???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.ufersa.edu.br:80/tede/handle/tede/122
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Ação do bioestimulante na cultura do maxixeiro (Cucumis anguria L.) sob condições de estresse salino
Other Titles: Biostimulant action on culture in gherkin (Cucumis anguria L.) under salt stress
???metadata.dc.creator???: Souza Neta, Maria Lilia de 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Torres, Salvador Barros
First advisor-co: Oliveira, Francisco de Assis de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Benedito, Clarisse Pereira
???metadata.dc.contributor.referee2???: Moreira, Luís Clenio Jário
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo deste trabalho é avaliar o efeito do tratamento de sementes com bioestimulante Stimulate® na cultura do maxixeiro, cv. Liso de Calcutá, sob condições de estresse salino. A pesquisa foi realizada em três experimentos, avaliando o uso de bioestimulante na produção de mudas, no crescimento, produção de frutos e na qualidade de sementes. O primeiro experimento foi realizado em casa-de-vegetação do Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológicas da UFERSA, avaliando-se a qualidade de mudas de maxixeiro em condições de estresse salino a partir do tratamento de sementes com diferentes doses de bioestimulante, utilizando o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 5 com 4 repetições. O primeiro fator representa dois níveis de salinidade da água de irrigação (0,5 dS m-1 e 3,5 dS m-1) e o segundo, cinco doses de bioestimulante aplicado via semente (0; 5; 10; 15 e 20 mL Kg-1), avaliando-se a emergência, índice de velocidade de emergência, número de folhas, diâmetro do colo, altura de plântula, comprimento da raiz, massa seca de raiz, da parte aérea e total. O segundo experimento foi conduzido em área experimental do departamento citado anteriormente. Onde os tratamentos aplicados foram os mesmos utilizados no primeiro experimento, realizado em esquema de parcela subdivididas com 5 repetições, avaliando o desenvolvimento e a produção de frutos de maxixeiro que tiveram suas sementes tratadas e foram cultivados em condição de estresse salino. Avaliaram-se as seguintes variáveis: número de folhas e de ramos, comprimento do maior ramo e massa seca das folhas, caule, frutos e total, número, massa média e produção de frutos. No terceiro, avaliou-se a qualidade fisiológica das sementes obtidas no experimento anterior, desenvolvido em duas etapas, sendo a primeira em laboratório e a segunda em casa de vegetação. Avaliou-se o grau de umidade, a germinação das sementes, primeira contagem de germinação, teste de envelhecimento acelerado (com solução saturada de NaCl). Ainda realizou-se emergência em casa de vegetação: índice de velocidade de emergência, a massa seca da parte aérea e altura das mudas. Nos três experimentos, os dados obtidos foram analisados a partir de análise de variância, realizando-se o desdobramento dos fatores para as variáveis que apresentaram resposta significativa à interação entre os fatores. De forma geral, a análise estatística dos dados revelou efeito significativo da interação entre os fatores salinidade e bioestimulante para a maioria das variáveis avaliadas. Além disso, o uso de bioestimulante não foi eficiente para inibir o efeito da salinidade sobre a maioria das variáveis analisadas. No entanto, o bioestimulante é eficiente para aumentar a produção de frutos, independentemente da qualidade da água utilizada na irrigação, provocando melhorias na qualidade das sementes obtidas
Abstract: The objective of this work is to assess the effect of seeds treatment with biostimulant StimulateR on the gherkin crop, cv. Liso de Calcutá, under salt stress. The research was accomplished in three experiments, assessing the use of biostimulant on the seedlings, on the growth, fruits and seeds quality. The first experiment was accomplished in greenhouse of Ecological and Technological Department of UFERSA, assessing the gherkin seedlings quality under salt stress from seeds treatment with different biostimulant doses, using the completely randomized design, in factorial outline 2 x 5, with four repetitions. The first factor represents two salt levels of irrigation water (0,5 dS m-1 e 3,5 dS m-1) and the second one represents five doses of biostimulant applied by seed(0; 5; 10; 15 e 20 mL Kg-1), assessing emergence, emergence speed index, number of leaves, neck diameter, seedlings height, root length, root dry mass, aerial and total parts dry mass. The second experiment was conducted in experimental area belonging to the same department mentioned before, where the treatments were the same used in the first experiment, accomplished in subdivided parts with five repetitions, assessing the development and the fruit of anguria production whose seeds were treated and cultivated under salt stress conditions. We assessed the following variables: number of leaves and branches, dry mass of biggest branch length and leaves , stem, fruits and total dry mass, number, average mass and fruit production. On the third experiment, we assessed the physiological quality of seeds obtained in the previous experiment, developed in two phases, the first one in laboratory and the second one in greenhouse. We assessed humidity degree, seeds germination, first germination counting, accelerated aging test (with NaCl saturated solution). We also assessed emergence in greenhouse: emergence speed index, aerial parts dry mass and seedlings height. On the three experiments, the data obtained were analyzed from variance analysis, making the factors display for the variable that show significant answer to the interaction among the factors. In a general way, the data statistical analysis revealed significant effect from the interaction between the factors salinity and biostimulant for most variables assessed. In addition, the use of biostimulant was not efficient for most variables assessed. However, the biostimulant is efficient in order to maximize fruit production, regardless the quality of water used on irrigation, causing improvement on the quality of seeds obtained
Keywords: Cucumis anguria L.
Salinidade
Regulador vegetal
Cucumis anguria L.
Salinity
Vegetal Regulator
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
???metadata.dc.publisher.initials???: UFERSA
???metadata.dc.publisher.department???: Agricultura Tropical
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-graduação em Fitotecnia
Citation: SOUZA NETA, Maria Lilia de. Biostimulant action on culture in gherkin (Cucumis anguria L.) under salt stress. 2016. 122 f. Dissertação (Mestrado em Agricultura Tropical) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró, 2016.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufersa.edu.br:80/tede/handle/tede/122
Issue Date: 16-Feb-2016
Appears in Collections:MESTRADO EM FITOTECNIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MariaLSN_DISSERT.pdf824.98 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.