???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.ufersa.edu.br:80/tede/handle/tede/22
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Conhecimento e tecnologias para educação ambiental: Uma construção envolvendo o jogo de areia
Other Titles: Knowledge and technologies for environmental education: A construction involving the Beach game
???metadata.dc.creator???: Rodrigues, Maria das Dôres Farias 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Demoly, Karla Rosane do Amaral
???metadata.dc.contributor.referee1???: Freitas, Cláudia Rodrigues de
???metadata.dc.contributor.referee2???: Morais, Elís Regina Costa de
???metadata.dc.description.resumo???: Esta dissertação é o resultado de uma análise sobre como jovens estudantes na faixa etária de 9 aos 11 anos, do 5º Ano dos anos iniciais do Ensino fundamental, transformam suas percepções acerca do lixo doméstico, estando envolvidos em oficinas e produzindo cenários usando a ferramenta jogo de areia. A experiência trata-se de um estudo de natureza qualitativa, que busca produzir uma análise exploratória embasado nas Teorias Eco-Sistêmica, Libertadora e Ecológica que distinguimos no trabalho em educação ambiental. As oficinas destacaram a questão do lixo doméstico, com cenas construídas e relatadas no grande grupo, registrado e acompanhado através de diário de campo da pesquisadora e na forma de fotografias e vídeos. As imagens foram consideradas na análise verificando - se mudanças nas condutas dos jovens. Situamos o trabalho no campo da Educação Ambiental em perspectiva transdisciplinar, haja vista mantermos um diálogo com autores de outras áreas que buscam explicar como vivemos e sentimos os acontecimentos cotidianos. Destacamos do campo da psicologia e psicanálise Carl Jung, Dora Kalf, Ruth Ammann e Edna Garcia Levy, em especial na construção da ferramenta jogo de areia. Humberto Maturana, Maria Cândida de Moraes e Katia Cavalcanti t a m b é m são autores importantes, sendo que os dois últimos se inspiram na Biologia da Cognição de Humberto Maturana e de Francisco Varela para explicar como vivemos. A discussão teórica considerou ainda as políticas públicas e as legislações que tratam do grave problema dos resíduos sólidos e domésticos e seu destino na nossa comunidade. A produção dos jovens em seus diferentes momentos de invenção e reinvenção de cenários ofereceu visibilidade aos seus potenciais em termos de criatividade, sensibilidades e envolvimento no jogo e a ludicidade presente em uma experiência na educação. Interagimos com processos embebidos de imaginação e reflexão, trazendo como efeito um despertar para questões que estão próximas: a relação de cada jovem com o lixo doméstico e com os elementos da natureza. Ao mesmo tempo, detectamos e f ê m e r a s mudanças nos modos de perceber, sentir e agir diante da grave questão lixo abordada na pesquisa , cuja dimensão é pessoal e social, ao mesmo tempo. O principal foco da investigação foi acompanhar as transformações ocorridas na maneira do jovem observar o seu meio ambiente como perceber a si mesmo e sua conduta frente ao lixo doméstico de sua localidade de morada. O trabalho e interferência da professora regente também foram considerados, pois ampliou a reflexão sobre a temática do lixo doméstico, deflagrando a construção de um projeto de ensino para a escola intitulado A simulação do lixão. A análise permitiu observar e compreender as transformações de ações dos jovens estudantes e também dos professores interessados na realização da pesquisa nas suas turmas. Estas mudanças, ao envolver um trabalho pedagógico e social, fez com que se produzissem significativas mudanças no fazer cotidiano e nas pequenas atitudes relacionadas ao cuidado com o lixo que produzem na escola, que se modificam na convivência
Abstract: This dissertation is the result of an analysis of how young students aged 9 to 11 years, the 5th Year of the early years of Primary school, transform their perceptions of household waste being involved in an experience of workshops that produce scenarios using the tool set of sand. This is a qualitative study that seeks to produce an exploratory analysis, based mainly on Eco-Systemic Theories, Liberation and Ecological that distinguish the work in environmental education. The workshops descacaram the issue of domestic waste, with scenes built, reported in the large group, this route which was recorded and tracked through the researcher's field journal and in the form of photographs and video images that were considered in the analysis of changes in behavior youth. Situate the work in the field of Environmental Education in transdisciplinary perspective, to maintain a dialogue with authors from other areas seeking to explain how we feel and live daily events. We highlight the field of psychology and psychoanalysis Carl Jung, Dora Kalf, Ruth Ammann and Edna Garcia Levy, in particular in the construction of the tool sandplay. Humberto Maturana, Candida Maria de Moraes and Katia Cavalcanti authors are important, and the last two are inspired by the Biology of Cognition by Humberto Maturana and Francisco Varela to explain how we live, as we know. The theoretical discussion also considered public policies and laws that address the serious problem of solid waste and domestic and destiny in our community. Production of young at different moments of invention and reinvention of scenarios gives visibility to their potential in terms of creativity, a process that comes amid sensitivities and involvement in the game, the playfulness present in an experiment in education. Interact with embedded processes of imagination, reflection, bringing the effect of awakening to issues that are close - the relationship of each young household waste, with the elements of nature -. At the same time, we detacar moments of changes in ways of perceiving, feeling and acting before a serious issue like this garbage we make in research, the size of which is personal and social at the same time. The main focus of the investigation was to follow the changes in both the way the young observe your environment, how to understand himself, his conduct outside the household waste his dwelling place. The work of the teacher and conductor interference was also considered, as did broader reflection on the theme of domestic waste, triggering the construction of a teaching project for school, entitled The simulation of the landfill. The analysis allowed us to observe and understand the transformations of shares of young students and also for teachers interested in conducting research in their classes. These changes in the coordination of actions by involving social and educational work made them produce significant changes in daily activities, small attitudes towards care of their waste at school, these attitudes that change in living
Keywords: Oficinas
Jogos de areia
Jovens
Educação ambiental
Workshops
Beach games
Youth
environmental education
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
???metadata.dc.publisher.initials???: UFERSA
???metadata.dc.publisher.department???: Estratégias sustentáveis de desenvolvimento do Semiárido
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-graduação em ambiente, tecnologia e sociedade
Citation: RODRIGUES, Maria das Dôres Farias. Knowledge and technologies for environmental education: A construction involving the Beach game. 2013. 102 f. Dissertação (Mestrado em Estratégias sustentáveis de desenvolvimento do Semiárido) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró, 2013.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufersa.edu.br:80/tede/handle/tede/22
Issue Date: 15-Mar-2013
Appears in Collections:MESTRADO EM AMBIENTE, TECNOLOGIA E SOCIEDADE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MariaSDFR_DISSERT.pdf1.85 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.